terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Atual direção da Funai arrasa AER Goiânia

O famigerado Decreto 7506/09, que pretendeu fazer uma nova estruturação da Funai, em voga desde 29 de dezembro de 2009, fez estragos por toda parte do mundo indígena. As administrações regionais da Funai estão sentindo suas repercussões ainda hoje, e esse desvario terminará criando um tsunami indigenista contra quem concebeu esse decreto e contra quem o está implementando na marra.

Já falamos desse Decreto de muitos modos. Recordemos alguns pontos fundamentais.

Em primeiro lugar, o Decreto 7506/09 extinguiu todos os postos indígenas, sob a justificativa de que eram um resquício da era rondoniana, uma política indigenista rejeitada porque vista como inadequada aos tempos neoliberais, daí sua substituição pelo termo anódino "coordenação técnica local", e que sua presença em terra indígena constituía uma atitude de proteção descabida aos povos indígenas. Agora os funcionários estão nas cidades, e os índios, quando precisam de qualquer apoio, vão às cidades à procura da Funai. Lá, em suas aldeias, ficam a Funasa, com seu indigesto indigenismo sanitário, as escolas dirigidas pelas professoras dos municípios, e os funcionários de municípios ou de ONGs que não deixam de aproveitar alguma coisa que pode vir dos índios: uma verbinha de algum ministério que eles trouxeram, ou uma boa verba de um projetinho obtida de alguma ONG estrangeira. A Funai não sabe mais do que acontece nas terras indígenas, a não ser via os experientes indigenistas e servidores que sentem no ar o processo de mudanças radicais que estão acontecendo com incrível rapidez.

Em segundo lugar, o Decreto extinguiu 24 administrações regionais da Funai, sendo que 10 delas foram substituídas por outras em cidades vizinhas (Redenção por Tucumã; João Pessoa por Fortaleza; Bauru por Itanhaém, etc.), enquanto algumas foram rebaixadas ao nível de "coordenações técnicas locais" (vide Recife, João Pessoa, São Luís, Curitiba, Porto Seguro, etc.), outras ao nível de "frente etno-ambiental" (vide o escandaloso caso de Altamira).

Porém, o caso mais escabroso, mais deletério, mais anti-administrativo, mais vingativo que se viu nesse Decreto de desestruturação da Funai foi o arraso que se fez da antiga e indigenisticamente sólida AER Goiânia, que não somente foi extinta como nem ficou para semente como uma simples coordenação técnica local.

Para atender aos povos indígenas que eram assistidos por Goiânia -- formalmente os índios Tapuios, Avá-Canoeiro e Karajá do Aruanã, mas verdadeiramente, uma gama de comunidades xavante e de outros povos que passavam por Goiânia -- foi criada, ao invés, uma tal coordenação técnica na cidade de Goiás Velho, cidade que nunca teve tradição de indigenismo, tampouco de administração indigenista. Até hoje os indígenas que eram assistidos por Goiânia estão ao deus-dará. Os Avá-Canoeiro da região norte do estado, no município de Minaçu, oito deles, tão-somente, a semente de uma possível reconstituição de um dos povos mais valentes que já houve na história do Brasil, os Avá-Canoeiro estão hoje à mercê de todas as possibilidades de invasão de suas terras e de falta de assistência indigenista. Não fosse, até agora, a dedicação voluntária de um respeitado indigenista de alta cepa, Walter Sanchez, que ainda está por lá, sem nenhuma orientação formal do órgão.

Já os Xavante, que sempre viram em Goiânia uma orientação para encontrar meios de avanço político e econômico, perderam a paciência com as últimas decisões da atual direção da Funai e estão agora prontos a tomar em suas mãos decisões mais drásticas do que até agora vinham fazendo. Eles não esquecem que foi de Goiânia, da sua liderança indigenista maior, que partiu a mais dedicada ação indigenista dos últimos dez anos, qual seja a retomada da Terra Indígena Marãiwatsede, dos índios Xavante. Os Xavante liderados pelo cacique Damião fizeram uma gloriosa retomada, que um dia será contada como uma saga indígena, mas, no seu auxílio, na sua retaguarda, estavam as figuras principais do indigenismo da AER Goiânia. Todos sabem disso e isso não pode ser esquecido.

Pois bem, para arrasar, queimar e jogar sal sobre a AER Goiânia, a atual direção da Funai mandou retirar todo o mobiliário da sede da AER de Goiânia, o que os seus servidores não deixaram fazer. Semana passada jogaram o sal ao publicar em boletim interno da Funai a transferência de todos os funcionários da AER Goiânia, desde o seu principal administrador -- enviado para o Alto Solimões !! -- até os motoristas e funcionários, enviados para administrações em Mato Grosso, Rondônia, Mato Grosso do Sul, Maranhão e Brasília!

Este Blog tem acompanhado a luta destemida dos servidores de Goiânia pela preservação de sua administração. Apelaram para os políticos locais de todos os partidos, inclusive do PT, que os apoiaram; apelaram para o governador e para o prefeito da cidade, que inclusive os apoiaram; apelaram para o arcebispo de Goiânia e para o bispo indigenista Dom Tomás Balduíno, que inclusive os apoiaram escrevendo cartas ao presidente.

Debalde. O presidente não demonstrou qualquer simpatia.

Neste último ano e um mês, os funcionários de Goiânia trabalharam dando plantão no órgão, batendo ponto, demonstrando estar em serviço -- sem que ninguém da atual direção da Funai tenha proferido uma instrução -- a não ser determinar sua retirada e agora a transferência sumária de seus funcionários.

Este Blog quer demonstrar sua solidariedade com os intrépidos e invencíveis servidores da AER Goiânia.

Eles não desistiram.

73 comentários:

Anônimo disse...

Isto é o que se ganha por confiar demais nos governates, já era esperado por todos que ali estava lotados.

Anônimo disse...

QUE SACANAGEM MINHA GENTE!!!

NEM SEI O QUE PENSAR DE TUDO ISSO...MAS DEUS É MAIOR QUE TUDO ISSO E ESSES "BOSTAS" VÃO SAIR DA FUNAI ENCHOTADOS, TEMOS QUE TER MUITA FÉ.

E QUANDO ISSO ACONTECER, TEMOS QUE ENCHOTÁ-LOS COM REQUINTES DE CRUELDADE, ASSIM COMO ELES ESTÃO FAZENDO COM OS NOSSOS COLEGAS.


UMA COISA É PAC DO GOVERNO QUE QUER EXPANDIR E MELHORAR A VIDA DE MUITA GENTE, OUTRA, É A SACANAGEM QUE ESSES "BOSTAS PETISTAS" ESTÃO FAZENDO NA FUNAI.

imprensa disse...

Nota dos Movimentos Sociais: Funai vem manipulando associações indígenas no Pará


Os Movimentos Sociais de Altamira vêm a público denunciar a manipulação do Governo Federal, Fundação Nacional do Índio (Funai) e da Norte Energia junto à associação dos indígenas moradores de Altamira-PA.



Os povos indígenas de diversas aldeias do médio Xingu mobilizados pela Funai, com apoio logístico da Norte Energia, estiveram reunidos entre os dias 17 e 22 de janeiro do corrente ano, na casa do índio e na Funai para discutir questões relacionadas à saúde e educação nas aldeias. À frente desta reunião estavam indígenas ligados à FUNAI e membros da Norte Energia que, aproveitando de uma demanda legítima desses povos usaram o evento para legitimar ações de seus interesses causando prejuízos aos povos indígenas e interferindo no direito constituído da livre associação das organizações civis e na forma de relacionamento dos índios e de sua cultura.



Os fatos denunciados são os que seguem:



- Apoio logístico da Funai à funcionários e indígenas favoráveis ao projeto de construção da barragem de Belo Monte;

- Convocação de uma reunião da Associação dos Índios Moradores de Altamira (AIMA) assinada por uma funcionária da Funai;

- Destituição da Diretoria da AIMA de forma ilegal e autoritária nesta mesma reunião convocada pela Funai:

- Coação de Lideranças Indígenas contrários a Barragem;

- Cooptação das comunidades indígenas através de doações de cestas básicas;



Diante do exposto repudiamos e denunciamos as ações e iniciativas da Funai e Norte Energia que expõem os povos indígenas a uma série de ameaças ao mesmo tempo em que enfraquece suas organizações provocando atritos entre os mesmos e pondo em risco a vida de algumas lideranças.



Assinam esta carta:



CIMI – Conselho Indigenista Missionário;

CPT - Comissão Pastoral da Terra;

MAB/Via Campesina – Movimento dos Atingidos por Barragens;

MXVS – Movimento Xingu Vivo para Sempre;

Consulta Popular/Altamira;

MPA/Via Campesina – Movimento dos Pequenos Agricultores;

UJOX – União da Juventude Organizada do Xingu;

AITESAMPA – Associação Indígena Tembé de Santa Maria do Pará;

AIMA – Associação dos Índios Moradores de Altamira;

APIJUX – km – 17 – Associação do Povo Indígena Juruna do Xingu;

Comitê Metropolitano Xingu Vivo para Sempre;

Pastoral da Juventude;

Pastoral da Juventude Rural;

ABEEF – Associação Brasileira dos Estudantes de Engenharia Florestal/Via Campesina;

FEAB – Federação dos Estudantes de Agronomia do Brasil/Via Campesina;

Anônimo disse...

Eles mentem o tempo todo para se manterem no poder e alcançarem seus objetivos maquiavélicos:

1- intimidam, desqualificam e torturam psicologicamente os servidores;
2- Aliciam e enganam descaradamente os índios e suas organizações;
3- Se apropriam da maior parte dos benefícios destinados aos índios, através de suas Ong's;
4- Concorrem de forma desleal com as empresas particulares, pois não precisam pagar impostos e ainda recebem o dinheiro público adiantado, para cumprimento das metas;
5- Descumprem impunemente a legislação financeira e administrativa;
6- Se fazem de vítimas dos antecessores, sob o argumento de que todos são remanescentes do totalitarismo capitalista dos governos anteriores;
7- Vendem a falsa idéia de que estão fazendo uma excelente gestão e que estão conseguindo pacificar os conflitos históricos do indigenismo:e
8- Ainda vendem uma imagem de bons moços que se fazem de fieis ao primeiro escalão do Governo, que por omissão e/ou comodidade, tem acreditado em tudo que eles dizem, sem conhecimento de causa ou qualquer averiguação dos fatos.

Anônimo disse...

soi só o começo, aguardem que tem mais à acontecer.

Anônimo disse...

ATENÇÃO SERVIDORES DAS CTLs RECIFE,SÃO LUIS E JOÃO PESSOA. OS PROXIMOS SERÃO VOCES TODAS AS CTL DAS CAPITAIS SERÃO EXTINTAS PERGUNTEM AO PERGUNTEM AO GRANDE LIDER INDIGENA DE PERNAMBUCO QUE ESTA NA MIDIA ...........INFELIZMENTE ISTOA É UMA REALIDADE.

Anônimo disse...

Alguem sabe sobre a visita do Ministro na FUNAI? Cabeças vão rolar e como.

Anônimo disse...

Senhores do CIMI e leitores desse blog:

Dizer que o indigenismo iniciou-se com Rondon é ignorância sobre as histórias de lutas das Comunidades e Povos Indígenas no Brasil- inclusive dos que já massacrados e que não mais existem.
E acorrenta o indigenismo aos próprios dominadores de Povos, ou seja: Estado, Igreja e Estados Internacionais (agenda das Ongs).
Há hoje e sempre houve, em todos os tempos da história desse Continente, o indigenismo livre, que não almeja o Poder, amigo das Comunidades, respeitador de seus modos de ser, que busca o diálogo sempre e a ética e a liberdade para nao serem massacrados ou pisados.
E QUE NÃO SE VENDEM POR GLÓRIA, OU POR PODER OU POR VAIDADE E MUITO MENOS POR DINHEIRO.

Anônimo disse...

INDIGENISTAS são as pessoas remuneradas que trabalham com os índios, a exemplo dos servidores da Funai, dos funcionários do CIMI, contratados e sócios das ONG's, que buscam o capital proveniente das ações indigenistas.

Não querendo dizer necessariamente que todos sejam parceiros dos índios, pois muitos visam exclusivamente a garantia do próprio bem estar e outros apenas a defesa dos interesses do governo, que também fazem parte.

Um índio só atua efetivamente como indigenista, quando é remunerado para defender os interesses de outras etnias.

Blog do Walfredo disse...

Interessante a opinião do último comentarista. Gostaria de conhecer mais seus conceitos sobre o assunto.

Anônimo disse...

No blog da Funai há um indicativo do que virá pela frente.

Anônimo disse...

O que o Ministros quer: Cardozo já havia afirmado que a Funai receberá uma atenção especial do Ministério da Justiça e deu respaldo à direção no combate de """transgressões e desmandos""", para garantir uma atuação eficiente do órgão indigenista."
esse discurso está desde a afirmação do permanencia do atual Presidente da FUNAI.
Mas o que é TRANSGRESSÕES e DESMANDOS?
Transgredir deve ser passar a frente, e DESMANDOS é ato de quem MANDA, que na rrealdiade o DESMANDO nao exite, nem mesmo a palavra, uma vez que poderia ser DEIXAR DE FAZER, mas entende-se que, DESMANDO, seja uma contra ordem e, quem somente pode dar é o CHEFE. Se isso for, o Nosso nobre presidente, mesmo afirmado, esta de calças curtas com a sua assessoria, Ele dá uma Ordem, seus subalternos mais proximos, deixam de ouvir, fazem outra coisa (TRANSGRIDEM) e, DESMANDAM dá uma outra ordem diversa daquela inicial do PRESIDENTE.
e cá entre nóis.
A FUNAI é mesmo regime politico do BRASIL: ou seja: PRESIDENCIALISTA.. uma só pessoa MANDA. O PRESIDENTE.. o resto é resto.. não pode haver trsngressão ou desmandos... e quem nao tem nada a haver com isso, tipo: os indios nao podem ser penalizados pelos Achismos de nossa direção.
E NAO podem culpar terceiros pela nao atuação da FUNAI de hoje, faltou extrategia administrativa, faltou extrategia politica, faltou companheirimos, faltou democracia, faltou bom censo, faltou dialogo, faltou um mapa do Brasil para ver, de fato a distancia que, agora, os indios ficaram do governo (a funai agora é neoliberal) coisa que ja foi provado em outras instancia que é burrice essa condição neoliberal que, se o estado afastar da sua função ele nao deveria existir. etc

Anônimo disse...

O cara da Coordenação de Palmas sr Cleso foi preso por estar envolvido na compra e venda de um trator roubado, esse se diz homem de confiança do tal Mercio.

abalu

Anônimo disse...

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/866367-ibama-libera-licenca-para-construcao-de-belo-monte.shtml
O Ibama liberou nesta quarta-feira a licença de instalação da usina hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu, no Pará. A licença será parcial, instrumento que não existe no direito ambiental brasileiro. Com ele, a Norte Energia, empresa que reúne os investidores, poderia iniciar a montagem do canteiro da obra.

Anônimo disse...

Ministro da Justiça visita Funai e reafirma apoio à direção do órgão
O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, dedicou a manhã desta terça-feira (25) à Funai, onde esteve em reunião com o presidente da instituição, Márcio Meira, para tratar do processo de reestruturação e das políticas públicas executadas e coordenadas pela Funai. Acompanhado do chefe de Gabinete do MJ, Flávio Caetano, o ministro recebeu informações históricas e atuais sobre a política indigenista do Estado brasileiro. Ciente dos avanços e desafios, Cardozo reafirmou o apoio do Ministério da Justiça para continuidade do fortalecimento institucional promovido ao longo dos últimos quatro anos.
Os diretores da Funai, Aloysio Guapindaia, da Direção de Promoção ao Desenvolvimento Sustentável, Francisca Picanço, da Direção de Administração e Gestão, e Maria Auxiliadora de Sá Leão, da Diretoria de Proteção Territorial, também estiveram no encontro, bem como o Procurado-Geral da instituição, Antônio Salmeirão, e a chefe de Gabinete, Salete Miranda. Em seu discurso de posse, em 02 de janeiro, Cardozo já havia afirmado que a Funai receberá uma atenção especial do Ministério da Justiça e deu respaldo à direção no combate de transgressões e desmandos, para garantir uma atuação eficiente do órgão indigenista.

Anônimo disse...

Senhor anônimo,

Houve um equívo quando afirmou o abaixo, bo dia 26 de janeiro de 2011 19:19:O cara da Coordenação de Palmas sr Cleso foi preso por estar envolvido na compra e venda de um trator roubado, esse se diz homem de confiança do tal Mercio.

CORRIGINDO: Ele é homem de confiança da Diretora Auxiliadora e não erre o nome do presidente, Esse cara daí é márcio.

Anônimo disse...

http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2011/01/miriam-mp-esta-espantado-com-licenca-que-permite-desmatamento.html

Anônimo disse...

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/866806-procuradoria-vai-a-justica-contra-licenca-de-belo-monte.shtml
O Ministério Público Federal no Pará espera apenas ter acesso à integra da decisão do Ibama para pedir na Justiça o cancelamento da licença que permite o início do projeto de construção da usina hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu (PA).

Na avaliação do procurador Ubiratan Cazetta, não há base legal para o modelo de "licença de instalação específica" concedida pelo Ibama na quarta-feira e que autoriza o início imediato do desmatamento para montar canteiros e acampamentos na região das barragens da usina.

"Por mim, propunha a ação contra o Ibama amanhã porque entendemos que não existe essa figura, no ordenamento jurídico brasileiro, de uma licença parcial apenas para instalação do canteiro. Mas ainda não tivemos acesso ao texto", disse o procurador. Para ele, a autorização para tirar o projeto do papel só deveria ser dada após o empreendedor cumprir todos os itens da lista de 40 condicionantes.

O Ibama informou ontem, em nota, que o documento autoriza a montagem da infraestrutura para a obra, que ainda passa por análise antes da concessão da licença definitiva, ainda sem prazo.

Anônimo disse...

todas as CTL que se cuidem quando sair o tal regimento interno muitas vao voar, e segundo informações as que permanecerao ficarao apenas com 10 servidores as CTLs, que estao com mais de 10 servidores se preparem que muitos vao ter o mesmo destino dos servidores de Goiania, muita sujeira e injustiças esta vindo por ai

Anônimo disse...

E a Funai toda lá !!! A CGPIMA (com o ISA e CTI – os DAS 4 são deles) mandou a tropa de elite para convencer os índios que ficarão ricos com o desastre ambiental.

O pior de todas as notícias é que a filha de um renomado indigenista é autora do parecer favorável da Funai, só que não apareceu o nome dela no relatório. Por que será? Égua ...as pessoas se vendem e rifam o indigenismo, a antropologia, o ambientalismo por qualquer coisa mesmo, qualquer trocado, qualquer DAS.... e nem envergonhada ela fica....

Anônimo disse...

Recife, João Pessoa, São Luís, Curitiba, Porto Seguro, serao as proximas, ficarao com apenas dez servidores e tres deixarao de existir, se preparem para mais um golpe do tal Meira e sua gangue anti-indigenas

RAIDE XATANTE disse...

AO POSTANTE QUE NARROU O TEXTO ABAIXO PARA DETALHAR MELHOR O QUE REALMENTE VOCE QUER DIZER.

RAIDE XATANTE

27 de janeiro de 2011 19:43
Anônimo disse...
todas as CTL que se cuidem quando sair o tal regimento interno muitas vao voar, e segundo informações as que permanecerao ficarao apenas com 10 servidores as CTLs, que estao com mais de 10 servidores se preparem que muitos vao ter o mesmo destino dos servidores de Goiania, muita sujeira e injustiças esta vindo por ai

Anônimo disse...

Mércio, obrigado pela força.
Espero que estas pessoas, que fizeram e continuam fazendo atrocidades, mentindo sem nenhum constrangimento, sejam julgados e condenados, pelos horrores que andam distribuindo a servidores da FUNAI e aos índios.
Quando fomos pra rua e lutamos pra criar um partido que representasse os trabalhadores e as minorias acreditávamos que estávamos criando um tempo de justiça, de futuro desejável, não esse bando de louco depredando tudo, nessa luta medíocre pelo poder, esquecendo da ética, e enterrando todo sonho de um país justo, fazendo essa política do possível, só que o possível pra eles e ter esse presidente da FUNAI e sua turma, esse novo bandeirante Cibernético.

Anônimo disse...

Mércio, obrigado pela força.
Espero que estas pessoas, que fizeram e continuam fazendo atrocidades, mentindo sem nenhum constrangimento, sejam julgados e condenados, pelos horrores que andam distribuindo a servidores da FUNAI e aos índios.
Quando fomos pra rua e lutamos pra criar um partido que representasse os trabalhadores e as minorias acreditávamos que estávamos criando um tempo de justiça, de futuro desejável, não esse bando de louco depredando tudo, nessa luta medíocre pelo poder, esquecendo da ética, e enterrando todo sonho de um país justo, fazendo essa política do possível, só que o possível pra eles e ter esse presidente da FUNAI e sua turma, esse novo bandeirante Cibernético.

Anônimo disse...

Po Kara, fala logo que ela é, não fique escondendo o joguinho, brincando de gato e rato.

Anônimo disse...

http://download.universa.org.br/upload/41/2009052691456969.pdf

Nº 87, quinta-feira, 7 de maio de 2009

RILDER RIBEIRO MAUES, 69.00

Anônimo disse...

Será que Dilma sabe do holocausto indigenista, que vem ocorrendo dentro da FUNAI?

Se Presidenta for igual a Presidente, os membros da SS que se apoderaram da FUNAI farão com que ela declare que não saiba de nada e os servidores que não aderiram ao nazismo indigenista, arderão nos quintos dos infernos.

Anônimo disse...

Porque sera que o boletim de serviço SUMIU do Blog da Funai..

Anônimo disse...

Que tristeza!!!!!!!!!

Que esses "Sanguinários" não se enganem. Eles não podem mais que Deus.
Vão pagar todas as atrocidades e maldades que estão fazendo com nós funcionários e índios, assim como nossas famílias (que sofrem juntas...). Todas as angústias, desesperos e mágoas vão ser ressarcidas e eles, vão ter que responder a justiça divina. Tenho fé em Deus!!!!

Não vamos nos desesperar...força e coragem a todos!! Eles não podem mais que Deus, tenham fé.

Anônimo disse...

É ISSO MESMO.

COM TODAS AS ANGUSTIAS EM NOSSOS CORAÇÕES E DAS NOSSAS FAMÍLIAS, TEMOS QUE NOS UNIR EM ORAÇÃO E PEDIR A DEUS QUE NOS PROTEJA E QUE RETIRE DA FUNAI ESSES "MONSTROS" QUE TANTO NOS TEM MACHUCADO E MAGOADO.

TENHO FÉ EM DEUS TAMBÉM, QUE ELES VÃO PAGAR TODO MAL QUE TÊM FEITO.

NÃO HÁ MAL QUE SEMPRE DURE......

Anônimo disse...

HOLOCAUSTO SIM!!! MUITO BEM COLOCADO.

ATÉ QUANDO VAMOS AGUENTAR INTIMIDAÇÕES, DESQUALIFICAÇÕES E TORTURAS PSICOLÓGICAS DESTES "BOSTAS"?

BOSTAS E MENTIROSOS SIM, PQ ALICIAM E ENGANAM OS ÍNDIOS E SUAS FAMÍLIAS E GUERREIAM "COVARDEMENTE" COM OS FUNCIONÁRIOS QUE, NÃO PODEM SE DEFENDER DE SEUS ATAQUES.

ESSE MÁRCIO MEIRA É UM COVARDE DE MARCA MAIOR. SERÁ QUE ESSE BOSTA TEM FAMÍLIA? TEM FILHOS? SERÁ?

DEVE TER NASCIDO NO ÔCO DE UM PAU, PQ, SE TIVESSE FAMÍLIA, SERIA MENOS INJUSTO E COVARDE COM OS ÍNDIOS E TANTAS FAMÍLIAS QUE, DESDE 28 DE DEZEMBRO DE 2009, SOFREM DE DEPREESSÃO, ANGÚSTIAS E TRISTEZAS, POR CAUSA DE SUAS ATROCIDADES.

Anônimo disse...

Puthsss esse malandro de Palmas, tal de Clesso so tem cara de sonso, ladra de trator e mole nao em meu irmao, tambem com uma madrinha dessa Auxiliadora, que patota

malandro

Anônimo disse...

Raide Xatante, voce nao e burro o suficiente para pensar que somos idiotas te liga mane

Anônimo disse...

Estou com os anônimos acima. Não há mal que dure.
Esse pelêgos dos infernos vão sair algemados da Funai, tenho fé nisso.
Uma hora eles vão se dar muito mal e temos que ter paciência e fé em Deus, que isso vai acontecer.

Eles estão vislumbrados com tantas mordomias, diárias e desmandos, mas uma hora, isso vai ter fim.
Temos que ter paciência e vê-los sair enxotados da Funai com o rabinho entre as pernas. Eles são passageiros e nós não! Se esqueceram disso? Quem vai sair não somos nós, a não ser que aposentemos, mas e eles?

TRATA-SE DE POBRES COITADOS!!!! TENHO PENA DELES, PQ QUANDO CHEGAR A HORA, ELES VÃO SE F....

Anônimo disse...

"OS PSICOPATAS PODEM SER CARISMÁTICOS E TER CONHECIMENTO ACADÊMICO, MAS NÃO TEM CONHECIMENTO SOBRE O PSIQUISMO HUMANO, ELIMINAM SERES DA SUA PRÓPRIA ESPÉCIE COMO SE FOSSEM ANIMAIS."

CUIDADO SR. MÁRCIO MEIRA! O SR. ESTÁ ABUSANDO...TRATAM-SE DE SERES HUMANOS VIU?

anônimo disse...

Aval para Belo Monte teve oposição na Funai





Técnicos do órgão recomendaram parecer desfavorável à liberação



No documento, técnicos afirmam que faltam ações emergenciais; Ibama alega que licença é apenas parcial.



Além de terem recomendado parecer desfavorável à licença parcial que autoriza o início do canteiro de obras da usina de Belo Monte, no Pará, técnicos da Funai (Fundação Nacional do Índio) alertaram o órgão para o fato de que a decisão do Ibama não está prevista na legislação.



Com a licença parcial, a responsável pelo empreendimento está autorizada a desmatar 238 hectares para a montagem dos canteiros de obra e dos acampamentos nas localidades de Belo Monte e Pimental.

O documento ao qual a Folha teve acesso é do dia 14 deste mês e destaca que a principal preocupação dos técnicos da Funai é com a localização das obras, a cerca de dez quilômetros da terra indígena de Paquiçamba, e com a ausência de ações significativas para as comunidades indígenas.

"Ainda restam condicionantes e ações emergenciais cujo objetivo era a preparação da região para o empreendimento", diz o texto, acrescentando que o não atendimento, caso o Ibama emita a licença de instalação de obras iniciais, "compromete a segurança da condução do processo e da integridade das comunidades indígenas na região".

O texto recomenda que a Funai se manifeste contra a "emissão de qualquer licença de instalação".

RESPOSTA DO IBAMA

O Ibama informou que o ofício da presidência da Funai encaminhado ao órgão no dia 20 não se opôs à licença parcial, que permite apenas a instalação do canteiro de obras.

A agência ambiental esclareceu ainda que o cumprimento de todas as 40 condicionantes gerais e 26 relacionadas aos direitos indígenas será levado em conta na emissão da autorização.

Procurada, por meio da assessoria, a Funai não esclareceu por que a avaliação dos técnicos não foi levada em conta pelo órgão.

Afirmou apenas que "não vê óbices à liberação dos canteiros pioneiros e acampamentos dos sítios Belo Monte e Pimental" desde que sejam garantidas as condicionantes do processo de licenciamento da obra.

No entanto, o Ministério Público Federal do Pará decidiu acionar ontem a Justiça contra a licença de instalação parcial.

Na avaliação do procurador Ubiratan Cazetta, não há base legal para o modelo autorizado pelo Ibama. Para ele, a autorização para tirar o projeto do papel só deveria ser dada após o empreendedor cumprir todos os itens da lista de condicionantes.

RAIDE XATANTE disse...

AO: POSTANTE ABAIXO
MEU NOME NÃO É MANÉ, É RAIDE XATANTE MESMO, NA VERDADE EU NAO ENTENDI AQUELE DITO ANTERIOR, SE VOCE TIVER A GENTILEZA DE ME ESCLARECER DIREITINHO SOBRE POSSIVEIS SUMIÇOS DE CTLS POR ESTE BRASILA AFORA, FICO GRATO, GRANDE AMIGO ANONIMO E CIDADÃO BRASILEIRO QUE É GENTE BOA E TEM PREOCUPAÇÕES COM OS INDIOS ..

RAIDE XATANTE

28 de janeiro de 2011 10:40
Anônimo disse...
Raide Xatante, voce nao e burro o suficiente para pensar que somos idiotas te liga mane

Anônimo disse...

deveriamos discutir coisas com mais fundamentos do que ficar combrigas internas e com difamações tipo burro, tipo mane, bostas e etc. lembre que Goiania foi inicio, ainda temos algumas CR extintas e CTLs RECIFE,SÃO LUIS E JOÃO PESSOA. OS PROXIMOS SERÃO VOCES TODAS AS CTL DAS CAPITAIS SERÃO EXTINTAS.

Anônimo disse...

Nossa Senhora das Graças, medianeira entre os homens e vosso Divino Filho Nosso Senhor Jesus Cristo, Auxiliai-nos, Senhora, socorra seus filhos servidores da Fundação Nacional do Índio em suas aflições. Pelo sangue derramado na cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo vosso filho amado, peço-vos, Senhora, a graça de afastar desta Fundação, os seres que querem prejudicar os índios e seus servidores. Amém!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

O atual presidente da Funai assina até sentença de morte para índígenas, qualquer coisa para se manter no cargo - é um miserável.

Mas, Belo Monte foi avaliada por uma equipe composta pela técnica da Funai (aquela mesma citada antes) e os técnicos do ISA e CTI que estão com DAS 4 fazendo farra com dinheiro público. O parecer já foi divulgado anteriormente e não apresenta óbices.
Nem mesmo uma recente tragédia faz esses pseudo-ambientalistas metidos a tirar proveito dos índios pensar sobre o impacto desse "Belo Monstro".
O pior que a Funai está lá fazendo força para que os índios aceitem. Quem está defendendo os direitos indígenas lá são outras associações não governamentais.

O órgão federal indigenista??? que vergonha !!!!!

Anônimo disse...

Caros servidores, vamos unir esforços E enviar documentos para Ministério Público, TCU, Senado, Câmara e para a Presidenta Dilma. Não podemos cair na cilada DELES! VOCÊS SABEM DE QUEM ESTAMOS FALANDO!

Anônimo disse...

Caros leitores,

A Chica entende tanto de Administração Pública, que seu maior desejo na FUNAI, é fazer o alegrete Presidente da FUNAI. Hoje ele é o seu ASPONE

Anônimo disse...

Caros Leitores,

E por falar em nepotismo, segue a lista dos casos mais evidentes:
01 – Salete e Rilder (marido e mulher);
02- Rilder e Mônica ( irmãos);
03 – Solange e Carlos Eduardo ( mãe e filho);
04 – Meirelles e Arthur ( pai e filho);
05 – Antonio Carlos e Adriana ( marido e mulher);
06 – Garibaldi e Dalma (marido e mulher);
07 – Sá e Leyla ( marido e mulher);
08 – Claudio Romero e Marli ( marido e mulher);
09 - João Batista e Terezinha Maglia ( Marido e mulher);
10 – Lopes e Marcela (pai e filho);
11 - Mário Moura e Cláudio Romero (cunhados);
12 – Alegrete e filho (terceirizado).

Anônimo disse...

isto esta parecendo com a mudança da FUNAI do Setor de Industria para o Plano Pilo, foi aquel aue, ou melhor bagunça, depois muitos foram colocados para fora da FUNAI, ou a disposição de outros orgãossss do governo.

Anônimo disse...

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/867717-justica-manda-ibama-passar-informacoes-sobre-belo-monte.shtml

A Justiça Federal em Belém (PA) mandou hoje o Ibama prestar informação sobre a autorização dada nesta semana pelo órgão para a construção do canteiro da usina hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu, no Pará.

A mesma ordem foi dada ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), que financiará parte da obra, e à Norte Energia, consórcio que deve construir Belo Monte.

Procuradoria vai à Justiça contra licença de Belo Monte
Ibama libera licença para iniciar canteiro de obras de Belo Monte

O despacho foi motivado pela ação movida pelo Ministério Público Federal pedindo a suspensão imediata da licença dada pelo Ibama. Só depois de a ordem ser cumprida é que o pedido da Procuradoria será apreciado.

A assessoria da Justiça não especificou que informações devem ser entregues.

De acordo com os procuradores da República, a licença nunca poderia ser dada sem que as condicionantes estipuladas pelo próprio Ibama para a construção da obra fossem cumpridas, como ocorreu.

O Ibama argumenta que a licença é só para o canteiro, e não para a usina.

Anônimo disse...

Muitos da lista são antigos da funai, antes de se colocado em pratica o nepotismo, o pior são os novatos figurantes e conhecidos que pregão o não nepotismo e na pratica é outra.
tais como Salete, Rilder e Monica.
o do meio convida ate pessoa para ser pregoeira e promete emprego ao marido. Eita Povinho

Anônimo disse...

Em lista de Nepotismo Faltou...
Benedito Garcia e Sergio (primos)

Anônimo disse...

o mais crito da lista são os de Cargos de Confiança, pois estes não possuem afinidades e compromisso com a instituição.

Anônimo disse...

Eita !!! se fizer uma lista, vamos precisar de 3 blogs !!!
Não esqueçam de incluir a CGPIMA que lidera o ranking com os casais, amantes, namorados (chefes e subordinados)....

Anônimo disse...

então é so fazer uma lista e encaminhar para corregedoria ou cgu, com a finalidade de providencias. assim como lista dos provaveis aprovados no concurso que eram prestadores, DAS e amigos do amigos que passaram

Anônimo disse...

CARO POSTANTE DO TEXTO ABAIXO,QUESTIONO A TI SOBRE O CASAL "ANTONIO CARLOS E ADRIANA" CITADO NO ITEM 05 DA SUA ENUMERAÇÃO, SERIAM ESTES LOTADOS NA CR.JUINA-MT?, CASO POSITIVO, QUERO RESSALTAR AQUI NESTE DEMOCRATICO E INFORMATIVO CANAL DE TEMAS INDIGENISTAS, QUE A CGU(EQUIPE COMPOSTA POR MARCELO E VANESSA) ESTEVE AUDITANDO A CR-JUINA NA SEMANA DE 10 A 14 DE JANEIRO DE 2011,A EQUIPE DA CGU PERCEBEU SIM ESTA RELAÇÃO CONJUGAL E LEVANTOU NAS PASTAS FUNCIONAIS DOS DOIS SERVIDORES QUE AS SUAS OCUPACÕES NÃO CARACTERIZAM NEPOTISMO, POIS A SERVIDORA ADRIANA É APENAS UMA AUXILIAR ADMINISTRATIVA,NÃO OCUPA QUALQUER FUNÇÃO (NEM FG-R), NÃO É GESTORA FINANCEIRA,NÃO DÁ CONFORMIDADE CONTABIL,NÃO É FISCAL DE CONTRATO,NÃO ATESTA NOTAS FISCAIS DE SERVIÇOS E OU BENS, E NÃO É PREGOEIRA E NEM PRESIDENTE DE CPL), E O ANTONIO CARLOS É O COORDENADOR REGIONAL. O PARECER DA CGU CONCLUI QUE ISSO NÃO IMPLICA EM NENHUMA IRREGULARIDADE. AGORA SE A ADRIANA OCUPASSE ALGUMA FUNÇÃO,AÍ SIM ERA PURO NEPOTISMO E BURLARIA AS NORMAS EM MANDO.


Anônimo disse...
Caros Leitores,

E por falar em nepotismo, segue a lista dos casos mais evidentes:
01 – Salete e Rilder (marido e mulher);
02- Rilder e Mônica ( irmãos);
03 – Solange e Carlos Eduardo ( mãe e filho);
04 – Meirelles e Arthur ( pai e filho);
05 – Antonio Carlos e Adriana ( marido e mulher);
06 – Garibaldi e Dalma (marido e mulher);
07 – Sá e Leyla ( marido e mulher);
08 – Claudio Romero e Marli ( marido e mulher);
09 - João Batista e Terezinha Maglia ( Marido e mulher);
10 – Lopes e Marcela (pai e filho);
11 - Mário Moura e Cláudio Romero (cunhados);
12 – Alegrete e filho (terceirizado).

29 de janeiro de 2011 00:17

Anônimo disse...

NÃO É NOVIDADE QUE O PESSOA DA CGU NADA VEJA.
POIS DIZER QUE ADRIANA É UMA MERA ASSIST.ADMINISTRATIVA É PIADA.
É ELA QUE MANDA, ACOMPANHA E/OU EXECUTA A PARTE FINANCEIRA/CONTÁBIL DA UNIDADE.
CONTA OUTRA PIADA, MANÉ, ESSA FOI BOA POR DEMAIS DA CONTA.KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

PREZADO ANONIMO, DONO DA ESCRITA ALI EMBAIXO, PARA TUA CIENCIA E CONCLUSÃO SOBRE AS FUNÇOES OCUPADAS NA CR-JUINA, TENHO A ESCLARECER QUE: ANTONIO CARLOS(ORDENADOR DE DESPESA TITULAR), ADEGILDO JOSE NASCIMENTO(ORDENADOR SUBSTITUTO), VALDENILTON EVANGELISTA(GESTOR FINANCEIRO TITULAR),IRENE SATURNINO(GESTORA FINANCEIRA SUBSTITUTA)- ESSA É A EQUIPE DE GESTÃO FINANCEIRA.
MARIA AMELIA(SERVIÇO DE ADMINISTRAÇÃO-SEAD), ADEGILDO JOSE NASCIMENTO(ASSISTENTE TECNCICO-ASTEC),VALDENILTON EVANGELISTA(SERVIÇO DE MEIO AMBIENTE-SEMAT),IRENE SATURNINO(SERVIÇO DE PLANEJAMENTO-SEPLAN),PEDRO PAULO(DIVISÃO TECNICA-DIT E PREGOEIRO).E AS CTL PARA ATENDER AS ETNIAS,CINTA-LARGA, ENAWENE-NAWE,ARARA,APYAKA,KAYABY,MUNDURUCU,RIKBAKTSA,MYKY E IRANTXE. SÃO OCUPADAS POR:MARISTELA CORREA, NICOLAU MORIMÃ,FRANCISCO CAVALCANTE,RENAN SPESSATTO LEÃO,GERALO PEREIRA,LEOMAR ROSA,PAULO ROBERTO CINTA-LARGA,ANTONIO RAIMUNDO E GENEVAL ROSA.
POIS BEM, VIMOS AÍ QUE ENTRE AS FUNCÕES(DAS) DA CR-JUINA E SUAS CTL NÃO OCORRE NENHUMA OCUPADA PELA ADRIANA,SERVIDORA DO QUADRO DA FUNAI QUE FOI CONCURSADA E CONTRATADA COMO AUXILIAR ADMINISTRATIVA. PASSAR BEM MANO

Anônimo disse...
NÃO É NOVIDADE QUE O PESSOA DA CGU NADA VEJA.
POIS DIZER QUE ADRIANA É UMA MERA ASSIST.ADMINISTRATIVA É PIADA.
É ELA QUE MANDA, ACOMPANHA E/OU EXECUTA A PARTE FINANCEIRA/CONTÁBIL DA UNIDADE.
CONTA OUTRA PIADA, MANÉ, ESSA FOI BOA POR DEMAIS DA CONTA.KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

29 de janeiro de 2011 18:06

Anônimo disse...

Para quem você tira o Chapéu?

Nós tiramos para o Levinho!
Êta cabra bom!
Trabalhador!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

denunciem tudo de irregular ao CGU, TCU, MPF e MJ uma hora o bicho pega

Anônimo disse...

COM RELAÇÃO AS POSTAGENS SOBRE "NEPOTISMO", VALE RESSALTAR QUE:
1.OS CARGOS DE CHEFIAS OCUPADOS PELOS SERVIDORES DO QUADRO PERMANENTE SÃO PROVENIENTES DE ESFORÇOS E MÉRITOS INDIVIDUAIS DE CADA UM, QUE NADA TEM A VER COM O "EMPREGUISMO" POR APADRINHAMENTO DE "CABOS ELEITORAIS".

2. SE FOR PESQUISADO EM TODAS AS REGIONAIS E CTLS, ENCONTRAREMOS MUITOS CASAIS QUE FORAM FORMADOS, POR PESSOAS QUE SE CONHECERAM, DEPOIS DE HAVEREM ENTRADO NA FUNAI.

3. É PERDA DE TEMPO, FICAREM APONTANDO SITUAÇÕES QUE NÃO SÃO PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO, ENQUANTO AS VERDADEIRAS IRREGULARIDADES SÃO RELEVADAS PELAS AUTORIDADES COMPETENTES.

3.

Anônimo disse...

Eu tiro o Chapéu para o Rilder
kakakakkakkakkakkakkaka!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Concordo com a postagem das 21:26 hs, nao devemos misturar as coisas ou seja os servidores de carreira com esse monte de inescrupulosos passageiros que estao de passagen ocupando os principais DAs da instituição, exceto o mala do Levinho traidor da causa, que pensa que vai se dar bem por muito tempo, um dia a casa vai cair, e esse vao ser torrado junto.

O futuro a Deus pertence.

Anônimo disse...

Kara, o Rilder é um verdadeiro indigenista, vc deveria conhecer mais a pessoa, o kara é trabalhor, responsavel, batalhador pelas causas e hiper honesto.
Coisas que faltam na FUNAI, muitos devera sair este não, tanto é que ele agora é nosso colega, passsou no concurso e so falta ser chamado para tomar posse.

Anônimo disse...

Antonio carlos...
Quem não sabe que toda substituição de Férias que existe em juina é a Adriana sua muié quem pega..
ainda assim não existe nepotismo???

Anônimo disse...

NEPOTISMNO

IRMA BETI RONDON (CIMI) E SEU AVÔ RONDON;
IRMAOS VILAS BOAS;
CHICO MEIRELES E APENA;(in memorian);
CHICO MINEIRO e SEU FILHO (Qdo a FUNAI deixou o Chico morrer de malaria na Ilha do Bananal o filho dele pedeiu demissão da FUNAI e abriu uma Farmacia em Canarana - MT)
CASAIS que de uniram pós entrada na FUNAI;
OS SILVA;
OS ARAUJO;
OS AQUINO (AQUINO, CARVALHO, AFONSO, MELO, TOLEDO, FARIA QUE NAO É TB SÃO TUDO PARENTE MEU)
VI NESSE BLOG COISAS ABSURDAS DIZENDO QUE NEPOTISMO É TER ALGUEM CONHECIDO ENTRAR NO ORGAO QUE TRABALHAMOS...
ABAIXO AS REDES SOCIAIS.

AH OUTRA COISA...
FOMOS ORIENTADOS EXIGIR O NEPOTISMO DOS INDIOS NAS ALDEIAS QUEM VAI ESTUDAR TEM DE TER O AVAL DA "COMUNIDADE" LEIA: FILHO, FIOLHA, NORA, GENRO DO CACIQUE.
ISSO PARTE DO ALTO ESCALÃO DA FUNAI E EM SEU NOME (TECNICOS, AINDA, TEM A CORAGEM DE CHAMAR DE ESPECIFICIDADE.

Anônimo disse...

30 de janeiro de 2011 09:51

esse ai bebeu ou fumou muito para sair defendendo o Rilder e áfirmar que o mesmo é um indigenista.

Anônimo disse...

NEPOSTIMO QUANDO É????
Nepotismo é o favorecimento dos vínculos de parentesco nas relações de trabalho ou emprego. As práticas de nepotismo substituem a avaliação de mérito para o exercício da função pública pela valorização de laços de parentesco. Nepotismo é prática que viola as garantias constitucionais de impessoalidade administrativa, na medida em que estabelece privilégios em função de relações de parentesco e desconsidera a capacidade técnica para o exercício do cargo público. O fundamento das ações de combate ao nepotismo é o fortalecimento da República e a resistência a ações de concentração de poder que privatizam o espaço público.

Em 18 de outubro de 2005, o Conselho Nacional de Justiça editou a Resolução nº 07, banindo definitivamente as práticas de nepotismo do Poder Judiciário brasileiro. A norma especifica os casos em que o favorecimento de parentes na nomeação para cargos de provimento em comissão ou função gratificada representam nepotismo, salvaguardando situações nas quais o exercício de cargos públicos por servidores em situação de parentesco não viola a impessoalidade administrativa, seja pela realização de concurso público, seja pela configuração temporal das nomeações dos servidores.

O nepotismo está estreitamente vinculado a estrutura de poder dos cargos e funções da administração e se configura quando, de qualquer forma, a nomeação do servidor ocorre por influência de autoridades ou agentes públicos ligados a esse servidor por laços de parentesco. Situações de nepotismo só ocorrem, todavia, quando as características do cargo ou função ocupada habilitam o agente a exercer influência na contratação ou nomeação de um servidor. Dessa forma, na nomeação de servidores para o exercício de cargos ou funções públicas, a mera possibilidade de exercício dessa influência basta para a configuração do vício e para configuração do nepotismo.

A posterior edição de Enunciados Administrativos e a consolidação de interpretações realizadas pelo Plenário do Conselho também compõem o conjunto normativo que dispõe sobre o nepotismo no Conselho Nacional de Justiça. O nepotismo cruzado, o nepotismo entre Poderes da República e aquele realizado por via da requisição de servidores são formas sutis de identificação da utilização de cargos públicos para manifestações de patrimonialismo e privatização do espaço público.

Então meus nobres postantes apaixonados pelos casais que existem na FUNAI, concluo de imediato que voces não foram suficientemente capazes de conquistarem as suas cara-metade dentro da FUNAI e dai ficam atiçando pedras, VIVA OS SILVAS, OS ARAUJO E OS AQUINOS DA VIDA, QUE ENTRARAM NA FUNAI SEM INFLUENCIA DE QUALQUER PARTE,SE UNIRAM FORMANDO FORMANDO FAMILIAS E REALIZAM SUAS CARREIRAS COM BRILHANTISMO PERANTE O UNIVERSO INDIGENA, ATUANDO COM EFICIENCIA E EFICACIA A PROTEÇÃO E PROMOÇÃO DA POLITICA INDIGENA

Anônimo disse...

Esse Rilder e um peao, melhor um manezao esta mais perdido que tudo, o tombo desse vai ser grande, vai abalar, que se cuide ainda a sua amante Salete, Leila, Auxiliadora, Gilbetinho Azanha, ou menhor Aluizio Malaca Azanha, a hora de vcs esta chegando

Futuro melhor

Anônimo disse...

O Rilder esta muito longe de ser um indigenista. Odeia indio. Não entende as funcões da FUNAI. Nem sabemos porque continua nesta Fundacao

Anônimo disse...

Vocês estão gastando o latim de vocês com um bando de hienas, que so se alimentam de restos, enquanto isto os leões e leoas se deleitam com suas suculentas presas.

Anônimo disse...

A Funai reflete o resto do Governo PT: um bando de "petralhas" negociando qualquer coisa por dinheiro, por qualquer trocado, função.
Pior que isso: compram representantes de movimentos sociais para que prevaleça a Lei da Mordaça; não sei como fizeram para que o MPF também ficasse em silêncio, aceitando toda essa arbitrariedade.

Se isso não é uma forma ditadura, está muito distante de uma democracia !!

Anônimo disse...

O ESTADO É FORÇA MAIOR, SE É QUESTÃO DE SOBERANIA A PRODUÇÃO DE ENERGIA SAUDAVEL(HIDOELETRICA), DE QUALQUER FORMA BELO MONTE SERÁ CONSTRUIDA, NÃO ADIANTA ESTES REVOLTOSOS CRITICOS PROTESTAR. MEUS AMIGOS VOCES ACHAM QUE SE ALGUNS DE VOCES ASSUMIREM A DIREÇÃO DA FUNAI VOCES CONSEGUIRIAM VETAR ESSA OBRA? DUVIDO!!!! A POLITICA É QUE MANDA MEUS IRMÃOS, VOCES NÃO FICARIAM UM DIA NA CADEIRA SE DESSEM OPINIÃO CONTRARIA AO REFERIDO EMPREENDIMENTO, E NÃO ADIANTA SER UM INDIGENISTA ANTIGO(PODE ATE SER ESTES DE CARREIRA DA FUNAI,QUE JA ESTÃO EM EPOCA DE PARTIREM AO INSS, FALSOS APAIXADOS PELOS INDIOS), IMPOSSIVEL LUTAR CONTRA A FORÇA MAIOR... LARGUEM DE SEREM MANÉS, E ASSUMEM LOGO QUE VOCES QUEREM MESMO SÃO AS FUNÇÕES DA DIREÇÃO DA FUNAI, E FICAM COM ESTAS HISTORIAS HIPOCRITAS QUE QUEREM LUTAR E DEFEDEREM OS DIREITOS DOS INDIOS,,, TRRRUUUCCCOOOO...
CREIO QUE A MELHOR OPÇÃO PARA ADMINISTRAR E TER JOGO DE CINTURA PERANTE AS OBRAS DOS PAC E LEVAR O MELHOR AOS INDIOS, AINDA É A ATUAL DIREÇÃO.

Anônimo disse...

CARO POSTANTE ACIMA!

VOCE ESTÁ ENGANADO COM A COR DA CHITA.
SOMOS APAIXONADOS SIM PELA CAUSA INDÍGENA!!!!!!! E ISSO MEU CARO (A), VOCE JAMAIS SABERÁ O QUE É ISSO, COMO JAMAIS SABERÁ COMO FAZER TUDO ISSO PELOS ÍNDIOS. SUA INVEJA O (A) DEIXARÁ DOENTE VIU....

NÃO ADIANTA, VOCES ESTÃO COM A FACA E O QUEIJO PARA CONTINUAREM COMETENDO ARBITRARIEDADES E ATROCIDADES COM OS ÍNDIOS, MAS A NOSSA HISTÓRIA, ISSO MEU CARO (A), JAMAIS VOCE PODERÁ APAGAR E POSSUIR.

VOCE É DIGNO (A) DE PENA!!!

VOCES PODEM ATÉ FICAR NA ESTÓRIA DA FUNAI, MAS COMO AQUELES QUE A DESTRUIRAM PARA ROUBAR E MAMAR NAS TETAS DO GOVERNO E NÃO POR OUTRA COISA, ISSO VOCE PODE TER CERTEZA.

MAS TUDO NA VIDA TEM UM FIM.....AGUARDE O SEU. NÃO HÁ MAL QUE SEMPRE DURE...

Anônimo disse...

"MANÉS", são os índios que acreditam nesta Direção atual da FUNAI.

Longe de sermos "MANÉS", fizemos e continuaremos fazendo de tudo pra melhorar a vida dos índios.

Com todo paternalismo, assistiamos os índios e cuidávamos para que eles não sumissem do mapa do Brasil.

Não existia ONG's para roubar os índios e nem "pelegos de plantão do PT" para usar a FUNAI de cabide de emprego.

Voces estão mandando, mas uma hora, isso tudo vai ter fim e aí meu aigo (a), quero ver vcs sairem da FUNAI com os rabinhos entre as pernas emuchos. Com certeza vamos ver.
E MANÉS é a pqp...

Anônimo disse...

Sempre ouvi dizer que no PT só tinha Peão, e não é que é verdade!

Tão sem educação e sem princípios né gente?

Coitados....precisam mesmo mamar nas tetas do Governo, pra se sentirem "GENTE" e não MANÉS......hehehehehe

E as ONG's? Tinham que fundá-las, pois, como iriam se enrriquecer, né?

Anônimo disse...

Essa FUNAI não passa de uma piada! O pior é que muito sem graça... como servidor público deste órgão, tenho vergonha de me identificar como funcionário... As Frentes de Proteção Etno Ambiental só servem para divulgar interesses particulares de Srs. como Sidney Possuelo e o Sr. José Carlos dos Reis Meirelles Jr. Este por sinal, não faz a menor questão de esconder que a base da FPEA envira é uma personificação sua, do interesse particular sobre o interesse público e dos indígenas... Depois sai na net que a Survival esta em parceria e nao conta que os auxiliares em indigenismo estão trabalhando como escravos, com escalas de trabalho de 3 meses inimterruptos por 30 dias de folga, sem contar que só o prazo para chegar até a referida FPEA é de 5 a 7 dias...
Enfim, uma vergonha! Mas vindo de uma FUNAI em que "UM PRESIDENTE" mencionou que existe mais terras do que índios, nada me surpreende...
E viva o Brasil, viva a FUNAI e viva a brincadeira com o dinheiro público!

Anônimo disse...

È interessante como essas frentes de contato são indevasaveis..
Só trabalha pessoas de fora do quadro da funai, a grana deles ninguem controla, os coodenadores so viveem viajando, enquanto os terceirizadso da beira do rio e quem faz o trabalho pesado..

 
Share